Cabelo de Noiva – Casamento na Praia

Maio está quaaaaase no final, mas não quis deixar o mês das noivas passar em branco. Também teve o casamento real e deu saudade de ser noiva!

No ano passado fiz alguns posts contando do nosso mini wedding em Ilhabela. Hoje tava vendo umas fotos e pensando do que eu podia escrever. Dei uma olhadinha no meu Pinterest e pá!

Uma coisa que eu tive dúvida até o dia do casamento foi, qual penteado fazer.

Eu sei que praticamente todas as noivas do mundo fazem antes um teste de cabelo de maquiagem, mas eu não tive tempo de fazer, então fui na cara, coragem e cabelo no dia da cerimônia.

Se você vai casar, ser madrinha ou até mesmo convidada em um casamento na Ilha, recomendo o Guida’s de olhos fechados. Mesmo de longe eles me deram todo o apoio e tiraram todas minhas dúvidas.

Como eu não fiz prova, eles reservaram uma cabeleireira que veio de São Sebastião especialmente para me atender, e ela era apenas maravilhosa.

Cheguei lá totalmente confusa, com mil referências e ficou melhor do que eu pensava.

Minhas ideias principais eram: flor e penteado lateral.

Flor porque eu acho que combina com praia e como nunca pensei usar véu, também não ficaria sem nada na cabeça. Encomendei uma que era linda do Aliexpress, era linda mesmo. NA FOTO.

Quando chegou veio toda amassada, feia e horrível. Queria morrer hahahahah e sai caçando outras, achei umas lindas na extinta Accessorize e decidi por uma flor, rosa antigo que é muito mais linda pessoalmente ❤

108e8c9df633ed89025ef5f207b6583d

A partir dela, elaboramos o resto do penteado, eu queria algo mais solto, mas tava um tempo estranho se ventasse meu cabelo ia ficar todo cagado hahahaha então optamos por ele mais preso.

d5ac09bcccbfe3feede982434ef371a5

Na hora de soltar os cachos a cabeleireira perguntou se eu queria mais bonitinho ou já mais caído, eu falei: Pode destruir porque daqui meia hora vai cair sozinho!

G&L-49

No final ele manteve certinho até o final e mesmo após quase três anos, eu ainda sou apaixonada pelo meu penteado de noiva ❤

O melhor restaurante de Ilhabela – Viana

O AMO fazer listas de o melhor disso, o melhor daquilo, principalmente se envolver comidas hahahaha

Fiz um guia sobre Ilhabela e prometi que faria um post especial para o melhor restaurante da Ilha.

Já disse algumas vezes nesse blog que casei em Ilhabela, né? Mas nunca falei do lugar especificamente, então vamos lá. Ilhabela tem muitas muitas praias lindas e tem uma especialmente charmosa e bem pequena chamada Viana, o restaurante que leva o mesmo nome da praia fica lá.

2015-08-17 136
Essa foto tá tão bonita, mas é minha mesmo 🙂

Há um deck na areia e do outro lado da rua também fica o restaurante, que dá para jantar e tudo mais já que o da praia fecha cedo, mesmo em alta temporada. E qualquer pessoa que mora ou frequenta a Ilha que você comentar do Viana, o primeiro comentário será: “Nossa a comida de lá é maravilhosa” e é mesmo!

O Viana foi aberto há 50 anos e está na mesma família há 3 gerações. Cheguei até ele procurando lugares possíveis para fazer o casamento, não é uma prática comum do restaurante, mas ele abre raras exceções. Chegando lá pedimos a famosa Casquinha de Camarão, eu ainda estava na fase “será que eu realmente gosto de camarão?” e na primeira garfada eu tive certeza! Esqueça tudo que você já comeu de casquinhas na praia, a do Viana é imensuravelmente melhor!

O cardápio do nosso casamento foi uma coisa maravilhosa, todo mundo se esbaldou e até hoje é referência de comida boa em casamentos. No dia foi servido um risoto de polvo que é a comida favorita da vida do meu marido e o bobó de camarão ganhou meu coração! Quando estamos na Ilha é parada obrigatória. Vale saber que eles usam alimentos de pescadores locais, é tudo bem fresquinho. O atendimento é um ponto a mais, sempre atencioso e rápido.

IMG-0417 (1)

Sobre as bebidas há uma boa carta de vinhos, principalmente brancos e rosés, a cerveja é SEMPRE gelada e a caipirinha uma delícia! Não espere um valor baixo, é tudo de qualidade e o valor da conta acompanha tudo isso e vale muito a pena ❤

Guia de praias – Ilhabela

O verão chegou e se você já planejou as férias de final de ano e por um acaso o destino é Ilhabela, eu vou te ajudar! Mas você precisa saber que eu sou MUITO, MUITO SUSPEITA para falar de lá, sem dúvida é o meu lugar preferido no mundo e toda vez que vamos para lá fico ainda mais apaixonada. E todas essas fotos maravilhosas foram tiradas por mim ❤

Como chegar

O caminho mais rápido para quem vem de São Paulo é pela Rodovia Ayrton Senna / Carvalho Pinto em direção a São José dos Campos. De lá, é preciso pegar a Rodovia Tamoios, que é ótima, porém cheia de pedágios e radares. A Serra é tranquila, mas é longa. Quando acaba vem a parte que eu acho mais cansativa, passar por Caraguatatuba, um caminho lento e não é bonito, não dá aquela sensação de estou chegando na praia, mas na primeira curva de São Sebastião, ahhhh que lindeza! E aí é só chegar até a balsa. O caminho todo é bem sinalizado, mas dependendo da época do ano as entradas da balsa mudam, então fiquem de olho.

Balsa

Sobre a balsa uma coisa é quase fato, tem fila e ela demora horrores, mas se você não quer esperar tem a opção de agendar o horário por R$ 95,30 (de sábados, domingos e feriados) ou paga R$ 27,70 e espera a sua vez. Eu não ligo geralmente é a hora de descanso e eu já fico bem feliz de estar ali. Mas vão com paciência, é o último obstáculo para chegar hahahaha

Onde ficar?

Eu não vou dar dicas de hotel porque realmente não conheço, tenho um tio que mora lá então geralmente ficamos com ele. Já alugamos uma casa pelo Alugue Temporada que funciona bem e foi uma boa experiência. Também sempre recomendo o Airbnb e o Booking.

Mas antes de escolher a acomodação, o que você espera da sua viagem? É isso que ajuda a escolher a melhor localização de acordo com a sua necessidade. Isso vale para todos os lugares e eu vou ajudar você se localizar na Ilha.

mapa-arquipelago-ilhabela

Sul

Olhando o mapa, o lado Sul da Ilha é da balsa para baixo, acho engraçado que apesar de ficar na parte inferior do mapa, o caminho é um subida hahaha mas devaneios à parte, o que você precisa saber deste lado da Ilha:

  • Ele é o lado mais rústico da ilha, as praias não tem tanta estrutura como quiosques e estacionamentos;
  • As praias, na minha opinião, são as mais bonitas;
  • Não tem muito o que fazer a noite.
DSC00711
Ilha das Cabras

Praias do Sul

A praia mais badalada de Ilhabela fica deste lado a Praia do Curral, ela não é minha preferida por motivos de: difícil e caro para parar, quiosques ainda mais caros que o resto da ilha (e vale lembrar que lá tudo já é mais caro que o normal) e nem acho a praia em si a mais bonita, obviamente que é linda, mas temos lugares mais bonitos e mais tranquilos por lá.

DSC03515
Praia Grande

Sou APAIXONADA pela praia do Julião, tem um caminho asfaltado, porém no meio do mato pra chegar que é lindo. A praia é pequena, mas cheia de árvores, uma delícia. Não tem quiosque, mas na alta temporada tem uma barracas que vendem bebidas e lanches. Também gosto da Praia Grande, que tem mais estrutura que a do Julião e é tão bonita quanto, mas fica lotaaaaada na alta temporada, uma dica é: chegue cedo para pegar mesa no Quiosque do Barba que é o melhor de lá, tudo é gostoso e GENTE, GENTE, peçam a batida de coco, é realmente dos deuses! Ouu chegue cedo para ficar na outra ponta da praia embaixo das sombras das árvores é gostoso e tranquilo.

Portinho é linda, mas nunca ficamos lá porque se você não tiver hospedado próximo é uma missão quase impossível parar lá, é uma praia minúscula hahaha fomos andando uma vez, ficamos no pier e é lindo, mesmo! Feiticeira fomos andando também e quase morremos hahaha é bem longe da rua principal é bonita e aqui vai um fato, praticamente todas as praias da Ilha são de tombo, mas lá é ainda mais e foi assim que e tomei um dos maiores caldos da vida, então tenho um pouco de birra de lá hahahaha.

Veloso não sei se indico, fomos duas vezes, uma foi tudo lindo maravilhoso, calmo e limpo e na segunda foi o oposto, estavam fazendo uma obra em um condomínio do lado da praia então estava tudo meio sujo e abandonado, foi triste. Não tem estrutura, levem guarda-sol e caixa térmica.

Ilha das Cabras motivo de grande trânsito do lado sul, todo mundo diminui a velocidade para olhar a praia e tentar achar uma vaga, é bem lindo mesmo, mas a a areia é formada por pedrinhas, tem gente que não gosta (tipo eu)

DSC00601
Veloso

Norte

  • Opções noturnas;
  • Maior variedade de praias;
  • Toda estrutura da Ilha fica lá, maiores mercados, postos de gasolina, restaurantes.
DSC00775
Perequê

Praias do Norte

A primeira praia depois da balsa é o Perequê que não é NOSSA que praia linda, mas se você está com crianças eu acho é um ótima opção porque ela é bem estruturada, tem mercado, farmácias e restaurantes próximos, indico o Pimenta de Cheiro, é bom e com um preço justo. E olha, eu sinto falta da ilha o ano inteiro, mas tenho saudade das comidas de lá também hahahaha no número 809 da avenida da praia, tem o Ardenthia Shopping e lá tem o Emirados que é o melhor árabe do mundo, as esfihas e os kibes de lá são maravilhosos o preço é justo. Vai ter fila? VAI! mas espere sorrindo porque vale a pena!

Itaguassu ou Itaguaçu (achei com as duas grafias) fomos uma vez e estava imprópria para banho, mas as outras vezes não, tem um quiosque bom a praia em si é bem tranquila e geralmente tá vazia, tem uma Pizzaria no Ilha Deck Hotel que é bem gostosa, mas o preço é salgado.

Depois dessa praia tem algumas que nunca paramos por ser difícil ou por não ter nada, como Itaquanduba, Santa Tereza, Barreiros, nessa última até paramos uma vez que tinha uma sombrinha de um árvore vazia, paramos bem felizes estendemos a canga e vieram avisar que tinha um enxame de abelhas pretas na árvore e em seguida uma enroscou no meu cabelo, saímos correndo de lá hahahaha

Agora vem a minha queridinha que é a praia que casei, é a praia mais charmosa da ilha, com o melhor restaurante que coincidentemente é aquele que casamos hahahaha Viana, vou fazer um post especial do restaurante porque ele merece, mas já adianto que são os melhores frutos do mar que você vai encontrar! A praia é bem pequena e linda!

2015-08-17 148
Viana

Uma praia que gosto bastante do norte é a do Sino ela é bem grande comparada com as outras da ilha, não é de tombo, o mar é uma delícia. Fique atento, lá tem quiosques, mas a maioria não aceita isopores ou caixas térmicas, ou coloca um valor mínimo de consumação, isso é saco! Mas fora isso, ache uma pedra e vá descobrir o motivo do nome da praia.

Depois do Sino conhecemos a Pacuíba que é um pouco depois que acaba o asfalto, mas é tranquilo de chegar de carro, tem um trilha um pouco roots pra chegar na praia, mas ela é bem gostosa, diferente das outras praias tem ondas. O Jabaquara também dá pra ir de carro, é um pouco mais difícil de chegar e sair, mas é bem bonita.

Vila

É o centro da Ilha, lá tem lojinha para lembranças, barzinhos e restaurantes. Pra quem quiser comer bem e gastar pouco, tem o Cheiro Verde, que é bem simples e serve PFs dos bons!

Castelhanos 

DSC03951

Essa foto não é uma miragem, Castelhanos é lindo de morrer! Em 2015 fizemos essa trilha com o nosso carro mesmo, que na época era um Fox 1.0, hoje só veículos 4×4 são permitidos, eu entendo porque a volta foi bem complicada mesmo. Mas se compensa? Ahhh se compensa, é um paraíso! São 22km para chegar, tem lugar para parar o carro, tem uns 3 restaurantes que só aceitam dinheiro e tem uma coisa maravilhosa chamada: Caipirinha de Folha de Tangerina, apenas provem ❤

Também tem um ilhota no mar que dá para chegar andando e quem quiser se aventurar mais um pouco, também tem a Cachoeira do Gato, não fomos, mas deve ser linda!

Cachoeiras

Conheço quatro: da Lage, Três Tombos, Trilha da Água Branca e Veloso só não recomendo a última, porque é BEM NO MEIO DO MATO e achei a trilha totalmente abandonada, sério não gostei nada.

A da Lage é o caminho para o Bonete é um caminho tranquilo, tem algumas subidas, mas nada demais, a cachoeira é uma delícia, tem até um tobogã. A do Três Tombos, são três, dá pra você parar de carro quase na porta ou encarar uma boa subida até lá. A última cachoeira é a mais bonita e ela tem uma ótima estrutura para quem não é adepto as trilhas. A Trilha da Água Branca fica na entrada do caminho para Castelhanos e como são diversas, você pode escolher até onde ir de acordo com a sua disposição, é bem bonito, mas não tive coragem de entrar na água porque tinha taaaaanto, maaaaas tanto borrachudo que pulei essa.

Dicas:

  • REPELENTE SEMPRE, todas horas do seu dia, cada vez que você se molhar, principalmente em lugares como como cachoeiras, rios e mais vazios, como Castelhanos, Jabaquara e Pacuíba. Mas não se descuide nunca, até na fila do mercado você será atacado! Os borrachudos não poupam ninguém.
  • A balsa é mais barata de dias de semana. Idosos, deficientes e carros com crianças com até 2 anos tem embarque preferencial.
  • Não tenha medo ser farofeiro, lá é tudo mais caro, então dá pra passar no mercado, encher o isopor e ir para praia feliz, recolhendo seu lixo todos ficam ainda mais felizes!
  • Não precisa madrugar, ao contrário do litoral sul que às 6 já tem fila na padaria, na ilha tudo começa mais tarde, então só acorde cedo de você faz questão do melhor lugar na praia.
  • Outra coisa que lá é normal, que mesmo na alta temporada, o sol ainda presente os quiosques simplesmente fecham! Siiim, no máximo às 18h você será gentilmente expulso da sua mesinha, é triste porque o sol se põe no mar e isso nos dá mais tempo de sol, mas nem adianta reclamar, lá é assim.

DIY – Convite de Casamento Praiano

Ainda é maio, né? Então vamos lá! Assim como a decoração, o convite foi feito 100% por mim e pelo meu marido, aliás a ideia foi toda dele.

Fiz a arte, usei uma já pronta e fui ajustando no paint (Sim, aquele mesmo que a gente desenhava quando era criança!) ficou assim:

Convite - Final - Horário certo (1)

E o Léo, vulgo marido, teve a ideia do convite ser entregue em uma garrafinha de vidro, tudo a ver com o tema praia! Elas são bem fáceis de achar e super baratinhas, já vieram com a rolha e custaram menos de 2 reais cada uma. O difícil foi descobrir o tamanho exato para o convite caber enroladinho e amarrado para não correr o risco dele ficar preso nela. Fomos imprimindo e cortando de diversos tamanhos antes de mandarmos para a gráfica.

2015-08-17 020

Fizemos uma gracinha com essa plaquinha de madeira que comprei no Aliexpress e usamos o sisal para prender as etiquetas com os nomes  (que ficaram meio grandes, mas gostamos assim). Os convites foram impressos em sulfite normal e as etiquetas e couché reciclado.

2015-08-17 010

Econômico, lindo e de coração ❤