Pela ZL – Cão Véio – Fail

Você já deve ter ouvido falar do Cão Véio, um projeto do famoso chef Fogaça e do Badauí, vocalista do CPM 22. O lugar ele se apresenta como um gastro pub com clima intimista.

Passado o furor da inauguração, conseguimos jantar em uma sexta-feira no Cão Véio da Itapura, que é uma franquia e  fica no número 1534, sem enfrentar nenhuma fila e eu vou explicar o motivo do FAIL mais pra frente.

Quando soube que ia abrir uma franquia no Tatuapé fiquei MUITO animada, já estive umas três vezes na unidade da João Moura, onde encontramos o Fogaça e o Badauí uma vez. Fora a longa espera por uma mesa nunca tive nenhuma reclamação, pelo contrário, no nosso ranking  o Cão Véio sempre integrou o top 5.

IMG-0024

A unidade da Zona Leste segue o mesmo estilo da sua matriz, paredes escuras, som alto, mas algo aconchegante, não sei explicar, mas gosto do ambiente!

 

Para beber eu pedi o chopp da casa que é um Session IPA de 500ml, que é maravilhosa, custa uns 25 reais e fazia tempo que não tomava uma IPA tão boa! Meu marido pediu a Adnams Ghost Ship, que sempre é boa e também é uma ótima opção. Aliás, há ótimas opções de cervejas artesanais, ficamos admirando a geladeira deles.

IMG-0019

Não pedimos entrada porque todos os lanches já vem um acompanhamento, que você pode trocar caso você não goste. Meu pedido foi o Bulldog Inglês Hambúrguer de kobe bovino, bacon, queijo cheddar, cebola roxa caramelizada e pepino em conserva, servido no pão australiano. Escoltado de batata canoa e molho de pimenta de maracujá e do Léo Dogue Alemão – Hambúrguer de carne bovina, costela suína desfiada, queijo gruyère, cebola roxa caramelizada, tomate e broto de agrião, servido no pão de brioche. Escoltado de mandioca frita, ele trocou a mandioca por batata palito.

Agora uma pausa, as fotos (de péssima qualidade, desculpe!) são dos hambúrgueres da João Moura da última vez que fomos, até nessa foto ruim dá pra ver o motivo da nossa expectativa, os lanches sempre foram absurdamente suculentos e mesmo sendo hambúrguer dava para sentir um toque de chef, diferente de todos hamburguerias.

 

Agora essas fotos de agora, talvez olhando você não veja nenhuma diferença, talvez você ache que eu sou uma chata louca. Quando chegou nosso pedido na mesa achamos bonito, mas na primeira mordida: DECEPÇÃO!! 

 

Na primeira mordida já faltou suculência, no meu lanche o queijo cheddar era o mesmo que compramos no mercado, sabe? Super processado e quase sem sabor, a carne e o pão era bons, mas no conjunto da obra era totalmente esquecível. Do Léo o queijo era bom, mas também era seco, na boca, a composição do lanche não harmonizava, sabe?

Terminamos de comer e falamos, sério mesmo? A nossa impressão é que as unidades do Tatuapé e de Pinheiros são coisas completamente distintas, não parecem ser a mesma hamburgueria. Eu que sou uma entusiasta de restaurantes na Região Leste da cidade, dessa vez te garanto, vale muito pegar seu carro e andar uns quilômetros até a João Moura.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s